Páginas

sexta-feira, 5 de março de 2010

Marta Martins, escritora: leitura num momento cor-de-rosa!

 UM DIA COR-DE-ROSA...
Texto: João B. A. Neto
Vila São José, zona sul da cidade, manhã de quarta-feira, dia 3. Esse foi o rumo tomado pelo Ônibus-Biblioteca, que levaria a escritora Marta Martins para realizar mais uma Oficina Literária, na conhecida praça Boemer Roschel.  Até aqui, nenhuma novidade, uma vez que Marta já conhecia o lugar...

A grande novidade é: Marta veio de visual novo. Seus cabelos quase longos, agora são curtinhos. Tudo muito descontraído, abraçada com Fátima, atendente do Ônibus...

Fotos de Maria de Fátima

E mais uma vez, Marta trouxe seus brinquedos que sempre despertam a curiosidade da criançada...

Um pião diferente...

Pequenos bonecos coloridos...

Criança, Livro, brinquedo e sorrisos (de Marta e de Maria Edina, também atendente do Ônibus)...

E muita leitura...

Porque um de seus livros fala sobre: Brincar de Verdade!...

A riqueza desse encontro literário está na alma infantil: tudo num tom divertido. E ler se torna uma incrível brincadeira, como se as crianças e os brinquedos saltassem das páginas, levadas pelo vento da imaginação, e regidos pelos dedos-de-fada da escritora...

Mediação de leitura é isso: entrar no círculo de imaginação da criança, com sensibilidade criativa...

E se transformar junto com a história contada, através de cores e formas, sem perder o foco, que é a criança a espera de um outro mundinho, bem diferente da realidade dela. E Marta faz isso como ninguém.

 
E por falar em cores, vocês perceberam que a cor rosa prevaleceu em quase todos os momentos acima? Marta Martins veio num tom rosa talvez porque essa cor represente o amor, o carinho, a ternura, a suavidade e a delicadeza. Tudo que o mundo deve oferecer a todos nós, inclusive Leitura, não é mesmo?

Até a próxima parada!!!
ONIBUS-BIBLIOTECA: ONDE SE LÊ POR PRAZER.

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir