Páginas

quinta-feira, 11 de março de 2010

JARDIM VAZ DE LIMA (J.SÃO LUIS): UM ROTEIRO ACONCHEGANTE!

O nosso amarelinho Ônibus-Biblioteca sai para a sua missão: espalhar o gosto pela leitura nos bairros de periferia...

 Fotos e texto: João B. A. Neto.

Hoje, terça, dia 09, ele está saindo do Parque da Mooca, entre árvores e jardins, rumo ao bairro Jardim Vaz de Lima, zona sul da cidade...

Pelo caminho, entre casas modestas, um verde também modesto nos acompnaha...

Mas o que significa isto: um homem no alto de uma árvore, apanhando o quê? Será uma jaca? É uma jaca...

O mesmo homem, agora, posando diante de plantas, num jardim, por sinal, maravilhoso?
  
E esta árvore, mergulhando nos raios solares? Que fascinante, não? O que há? Alguém pode explicar?...

Enfim, as explicações: esse gentil senhor, com 69 anos de idade, é Ataíde Pereira dos Santos. Ele é o responsável por essas belezas na praça Maria Alcina, justamente onde o nosso Ônibus faz sua parada, às terças-feiras, aí no Jardim Vaz de Lima.

 E essa praça recebe os cuidados do Sr. Ataíde desde 1968, sempre com o mesmo entusiasmo, principalmente quando ele conta como tudo começou. Fazia carreto, e nas horas vagas se dedicava à praça. Hoje, já aposentado, se orgulha de seu trabalho voluntário. Entre tantas outras espécies, alí podemos encontrar: pau-brasil (a tal árvore que mergulhava nos raios solares!), palmeira, flores, além de pés de café, jaca, abacate, laranja, ameixa, siriguela, jurubeba, gengibre, pitomba. Tudo plantado com amor, carinho, dedicação e terra boa, muito bem preparada.
  
Mãos santas, de Seu Ataíde, que adubam a terra, e plantam maravilhas...

É nesse ambiente pra lá de aconchegante, entre plantas plantadas pelo Seu Ataíde, que o Ônibus-Biblioteca atende a comunidade de Jardim Vaz de Lima, plantando Leitura: uma planta essencial para a sobrevivência da Cidadania de Todo Cidadão... 

Leitura e informação contidas em livros, jornais, revistas etc...

Um cenário perfeito para se adquirir informações, e transformá-las em conhecimento, além de vivenciar um momento de leitura descompromissada, debaixo de árvores, sentados em bancos. Que delícia, não é? 

E no intuito de fazer sempre mais, o Ônibus-Biblioteca traz oficinas literárias que complementam a leitura das crianças e jovens. O escritor da foto é Patricio Casco. Seu trabalho gira em torno de jogos e brincadeiras. Especialista em esportes, educação física, Patrício, além de livros publicados sobre o assunto, busca desenvolver a criação de novos jogos, a partir de jogos já existentes. Mas quem vai botar a cuca pra funcionar serão as crianças. É incrível a capacidade inventiva dessa turminha...

A comunicação flui, normalmente, quando tudo no ambiente parece estar a favor...

Flui também o trabalho dos atendentes do Ônibus-Biblioteca. Rodeado por leitores, Virgínia e Vicentino viabilizam a leitura, num ambiente onde a natureza permite inúmeras Leituras. Todos os cantos da cidade deveriam ter um Senhor Ataíde e, claro, um Ônibus-Biblioteca. E não é impossível!!!


Mais sobre o trabalho de Patrício Casco? Assista a este vídeo:

Até a próxima parada!!!
Ônibus-Biblioteca: onde se lê por prazer.

Texto e fotos: João B. A. Neto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário