Páginas

sexta-feira, 19 de março de 2010

FRED E SELMA MARIA EM CIDADE TIRADENTES: SILÊNCIO, VAMOS BRINCAR!

 Texto de: João B. A. Neto. 

Quietinho, o Ônibus-Biblioteca sai. Hoje sua parada será la em Cidade Tiradentes, zona leste, num domingo, 14 de março: Dia Nacional da Poesia... 


Num clima poético, Selma Maria e Frederico moreira vão brincar, rodeados por crianças...

Fred, o fotógrafo, nos conta um pouco sobre esse dia mágico:

"Este dia foi bem curioso pois o movimento foi muito bom e a participação das crianças foi total. Muito legal mesmo. A Selma ensinou em sua oficina a fazer brinquedos antigos utilizando botões, madeira, linha, etc. Ela intercalou com leituras de trechos de seu livro (Pequeno tratado de brinquedos para meninos quietos). Foi interessante pois além das crianças a atividade também atraiu alguns adultos.

Na minha oficina ensinei como criar um porta retrato estilizado usando materiais como papelão, tinta e brilhos. A idéia foi trabalhar, através de misturas, o conceito das cores primárias e secundárias. A patir daí, já com o objeto montado e pintado, trabalhei conceitos de enquadramento utilizando para isso a abertura do porta retrato."

Entre recortes geométricos, a mãozinha risca traços firmes para formas vazadas, com noções sobre enquadramento...

Aqui muitas mãos e muitas ideias pintam nessas cabecinhas, com noções sobre cores...

Neste instante, outra mão prende a figura: é o domínio do criar...

Fred, o fotógrafo, orienta na confecção de Porta-Retratos, onde se coloca imagens, como se estivessem num pedestal... 

Por falar em imagem, eis uma bela imagem pra se botar num belo porta-retrato: meninos brincam num silêncio ensurdecedor, com brinquedos que rodopiam na quietude do lugar. Selma Maria, silenciosamente, ensina como criar e brincar, com algo feito de materiais simples, usando linhas, papelão, tampas, botões madeiras etc...

Sem alarde, as meninas desenvolvem o lado artístico, num momento sem pressa...

Fred e Selma: dois grandes artistas que captam o silêncio para fazerem arte...

E esse mesmo silêncio leva a  Leitura pra dentro do menino, numa viagem quieta, poética...

Até a próxima parada!

Ônibus-Biblioteca: onde se lê por prazer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário